Hi-TECH 07/2021


Highlights da semana 07 de 2021.


Semana movimentada é pouco! Reddit "dobrando" de valor devido ao caso da Game Stop, Aposentados ganhando de "lavada" o Super Bowl e mostrando que "velho" só existe do ponto de vista de quem vê, vazamento de dados saindo de todo buraco, fico imaginando ondem mais vai vazer dado do Brasil..., bizarro virando comum com a MS abirndo o serviço para criar bots de pessoas mortas, e, o que não poderia faltar: o Clubhouse bombando e já caminhando prasepultura, como dizem alguns, pois o Face (aquele do Zuk!) já cozinhado a sua cópia... Semana movimentada é pouco. O mundo BANI tá mostrando a que veio...


Já assistiram algum episódio de Black Mirror? Se não, assista!Sse sim, estamos vendo que nada daquilo é bizarro o suficiente para não virar realidade. Antes foram os amigos, sócios de uma startup, que, com saudade do amigo querido, criaram um bot que fala e reage como a pessoa falecida. Usando uma IA e um conjunto de mensagens dessa pessoa na criação. Agora, uma das Big Techs, disponibiliza a possibilidade de criação desses bots como um serviço... Vai ver...


Uma mensagem IMPORTANTE... Vai ver...


“The Economist" sobre 2021:

Resumo de 20 pontos de uma análise de mais de 50 especialistas, do que está por vir para 2021.

  1. Os humanos querem se socializar novamente, mas o trabalho remoto basicamente permanecerá o mesmo. O modelo de trabalho misto não é realista, vamos simplesmente continuar a trabalhar online a partir de nossas casas, cada vez mais adaptadas e com reuniões em lugares divertidos e diferentes todos os meses para socializar e conectar. Vários espaços serão criados para grandes reuniões digitais com todas as soluções resolvidas. Ninguém quer viver no trânsito ou naquele redemoinho de informações e voltar a trabalhar.

  2. Escritórios fecham com uma porcentagem muito alta e esse modelo retrógrado é tomado por tecnologias disruptivas. A cada dia teremos mais assistentes digitais para trabalhar de forma eficiente. Essas grandes corporações serão sempre lembradas como os enormes mamutes de 1980-2020 em extinção. As pessoas nem sempre trabalham assim e não trabalharão para sempre no mesmo esquema.

  3. Os hotéis "de trabalho" desaparecem em pelo menos 50%. Viagens, congressos ou reuniões de trabalho não voltam como eram, se puderem ser feitos online. O turismo de trabalho praticamente desaparece. As chamadas se tornam chamadas de vídeo. Painéis internacionais em painéis online. Os grandes congressos em sistemas tecnológicos. Lançamento de novos produtos em formato digital e tecnologias inovadoras. Congressos apoiados pela A.I. (Inteligência Artificial). Para receber experiências pessoais.

  4. As casas tornam-se mais tecnológicas e adaptadas ao trabalho diário. Muitas empresas se dedicarão a resolver as necessidades de trabalhar em casa. A casa muda de local. Hoje você pode morar fora de uma cidade grande, trabalhar da mesma forma e gerar o mesmo valor. A localização física passa para um segundo valor para empresas, mas para um primeiro para trabalhadores.

  5. A produtividade não depende mais de um chefe que te revê, agora é por meio de plataformas que te ajudam a medir resultados, KPIs e tempos eficientes. A forma de contratação de pessoal é repensada. Contratar os melhores do mundo hoje é mais fácil, barato e eficiente. Não haverá diferença entre contratar pessoal local e estrangeiro. Hoje somos todos globais.

  6. Tudo o que é repetitivo torna-se virtual e em regime de assinatura: igrejas, arte, academias, cinemas, entretenimento. Às vezes iremos para coisas físicas, mas os números não darão para manter as infraestruturas físicas que tínhamos antes. Poucos lugares podem manter alguns modelos abertos. Em breve, serviços sofisticados de RV para uso doméstico.

  7. A tradicional empresa chegou ao fim em 2020. Resta esperar sua morte final. Com recursos limitados, as empresas exigem mais certezas e melhores investimentos. Uma empresa de tecnologia, fresca e nova hoje, pode substituir outra que tem feito o mesmo nos últimos 50 anos. À medida que o modelo de "cozinha escura" cresceu, muitos serviços copiarão o modelo.

  8. O turismo para entretenimento retorna plenamente fortalecido no segundo semestre de 2021, sempre acompanhado de muita tecnologia na sua operação, desde a compra, a operação e as experiências a serem recebidas. As pessoas apreciam mais do que nunca visitar o natural, mas com soluções altamente tecnológicas. Locais mais remotos, experiências mais autênticas suportadas com assistência digital 24 horas por dia, 7 dias por semana. A interação é a base do entretenimento do futuro. Faça parte, experimente algo autêntico e descubra informações de forma dinâmica.

  9. O tratamento de dados pessoais torna-se mais delicado e as grandes plataformas vão mudar. As pessoas voltam a pagar as assinaturas devido ao senso de transparência que isso envolve. Eles preferem pagar a doar seus dados. As grandes marcas hoje valem sua credibilidade. Tudo pode ser copiado ou replicado, exceto prestígio. O valor da empresa hoje depende de muitos fatores e não apenas de sua venda anual.

  10. A força de trabalho é drasticamente reduzida e muitas operações simples são fornecidas ao I.A. Em 2024, o I.A. já lidará com operações complicadas em milhões de locais. Mas a adoção convencional começa em 2021. Uma grande temporada global de demissões está chegando. O desemprego ocorre por motivos multifatoriais e não apenas por causa da crise econômica.

  11. A educação nunca mais vai voltar a ser igual. Torna-se cara a cara, mas tecnologicamente adaptável. Cada um é o que precisa. Estudar offline e online será normal. Escolas e universidades são transformadas em um esquema híbrido para sempre. Volta ao esquema de contratação de pessoal altamente capacitado para ocupar cargos importantes, mas são aceitos candidatos sem formação universitária, para cargos de menor importância, que tenham a experiência necessária.

  12. O sistema médico adaptado ao digital com tecnologia remota para sempre. Uma consulta médica por teleconferência será normal. As pessoas continuarão com os testes rápidos de Covid ao longo de 2021 para se sentirem seguras. A vacina é muito rápida, mas você encontrará grandes desafios ao longo do caminho. Grandes hospitais repensam seu funcionamento devido às crises econômicas que sofreram com a Covid 19. As pessoas ficam menos doentes com vírus, bactérias e doenças devido ao manuseio inadequado dos alimentos, graças à limpeza recorrente do indivíduo comum.

  13. Na economia pessoal novas formas de gerar transações comerciais são utilizadas e as pessoas economizam mais. Uma alta porcentagem dos gastos da família vai para atividades que antes não eram remuneradas e vice-versa. A compra de itens como roupas elegantes é substituída por roupas casuais. A transformação radical dos hábitos continua em 2021. A eletrônica continua sendo o produto mais apreciado e adquirido por mais um ano.

  14. E-Commerce continua a crescer, mas online, jogadores como Facebook, Tik-Tok e YouTube entram para competir com a Amazon. Fecha um percentual de 50% das lojas físicas globais. As lojas sobrevivem graças ao fato de serem experiências e showrooms, mas o comércio real no final de 2024 será maior online do que presencial em muitas áreas. Os grandes shoppings ficarão presos no tempo. Muito poucos sobreviverão a longo prazo.

  15. Mudanças climáticas serão um tópico muito discutido e apoiado. As grandes indústrias continuarão a se transformar e a I.A. para entendê-lo e operá-lo melhor. A adoção da bicicleta como principal meio de transporte continuará crescendo graças à transformação das cidades. Vamos passar da questão Covid para a Mudança Climática como a questão principal de uma forma natural. Uma oportunidade para a união global ajudar a transformar e resolver os grandes problemas.

  16. Novos modelos de informações e notícias por assinatura com mais transparência ajudarão a disponibilizar conteúdo sem tantas “notícias falsas”. Credibilidade e transparência serão a pedra angular de todas as empresas. As pessoas estão cansadas de tanta informação e preferem sistemas habilmente selecionados para interagir. A imediação continuará a ser altamente valorizada.

  17. A saúde mental torna-se um tema recorrente e grandes plataformas ajudam as pessoas a enfrentar as situações de agressividade, solidão e angústia que vivenciaram durante o isolamento. Um dos grandes custos de 2020 é a complicação de trabalhar em equipe novamente. Muito a trabalhar, muito a repensar. As crises de liderança nas empresas serão mais comuns a cada dia.

  18. Os grandes problemas como educação, saúde, energia, segurança, política e destruição da classe média ganham destaque e as soluções são desenvolvidas por empresas de tecnologia. Grande capital é investido para fazer o bem, enquanto os problemas globais são resolvidos. Empreendedorismo social no seu melhor com resultados financeiros muito substanciais.

  19. Tudo vai para o natural e saudável. Alimentos, experiências e forma de interação. 100% natural é hoje. Produzir a própria comida, meditar e se exercitar, passa a fazer parte do dia a dia. A permacultura e os sistemas de produção pessoal eficientes estão crescendo exponencialmente. Todo mundo quer ser capaz de satisfazer suas necessidades pessoais de alimentação saudável. Consumir local, mas real. Ser mais saudável é o “novo luxo”. Produtos suntuosos perdem valor e justificativa. A reciclagem está voltando muito mais forte depois de um ano de desperdício incontrolável, agora com grandes tecnologias que realmente iniciam e resolvem os problemas gerados no passado.

  20. O mundo está vendo este ano como um novo começo. Um renascimento. As pessoas vão repensar seus objetivos pessoais, de trabalho, saúde, dinheiro e espirituais. Grandes oportunidades estão surgindo para satisfazer todos esses requisitos e mudanças de pensamento. Um novo começo com valores mais reais. Muitos comportamentos são transformados e nunca mais voltarão. Acumular, consumir e viver pelo material vai para o lado negativo da conversa. A inovação, a tecnologia, o pensamento natural e lateral são a base da nova realidade. Continuar fazendo o mesmo sem repensar em 2021 é ir direto para a garganta. Todos estão a tempo de encontrar novos caminhos. As diretrizes estão definidas. Você apenas tem que encontrar as novas rotas pessoais ou comerciais.

Fonte: The Economist


Inovação é a base para o ambiente de negócios atual e futuro. 46° não uma colocação boa, precisamos melhorar e fazer isso o mais rapidamente possível... Vai ver...


E lá vem a Revolta das Sardinhas rendendo novas opiniões e artigos. Uma explicação de porquê o Robin hood teve que parar as transações com algumas das ações envolvidas no movimento e, além disso, uma abordagem interessante para o que, de fato, representa o mercado de ações e Wall Street... Vai ver...


A nova sensação no mercado é rede social de áudio Clubhouse. Se vai durar ou não ninguém sabe, mas que está causando uma alvoroço, isso está! Uma rede de conversas onde tudo é ao vivo e premia a efemeridade da vida. Um campo novo que pode ser muito interessante para o mercado entrar em contato direto com seus consumidores e muitas outras coisas... Vai ver...


Em época de discussão sobre privacidade e de como se proteger, é sempre bom ter cuidado com o que se faz com o aparelho de celular. Achar que simplesmente apagar algum delito é o suficiente é totalmente falso. Mesmo quebrando o dispositivo, ainda existem os backups e os rastros deixados na nuvem. Está cada vez mais difícil se esconder... Vai ver...

Alguém já passou por isso?


E quem disse que empreendedorismo não é para mulheres? Um diferença cultural que precisamos retirar definitivamente do mercado. O mercado é seu, é DELAS, é nosso. O único nivelador a ser aceito é a competência de fazer o que deve ser feito e bem feito... Vai ver...


Nada se perde, tudo se copia... Uma máxima clichê do vale do silício que, nesse contexto, engloba o mundo todo. Inclusive, nesse vale, as ideias não valem lá muita coisa, o que vale mesmo é quem põe a ideia pra funcionar. Então, não vá pensando que o fato de ter tido uma ideia (e ter falado sobre ela aos 4 ventos) vai te trazer algo, pois o cara que vai ser lembrado é quem botou ela pra rodar... Outro conceito importante no meio tecnológico é: oceano azul (aquele sem concorrentes) dura muito pouco, pois se tem algo atraindo a atenção, será sumariamente copiado... Vai ver...


Conectando as postagens: "Outro conceito importante no meio tecnológico é: oceano azul (aquele sem concorrentes) dura muito pouco, pois se tem algo atraindo a atenção, será sumariamente copiado"... No rastro do evento da Game Stop o Reddit (fórum onde tudo começou...) simplesmente dobrou de valor e conseguiu um singelo aporte de US$250 mi!!!! A "atenção" vale OURO no vale do silício... Vai ver...


Olhar para onde a manada está correndo é sempre interessante, porém, olhe e analise, não simplesmente corra junto pois vc pode ter suas expectativas frustradas. Um análise de quem sabe o que está falando (esse cara tem resultado pra mostrar!). Achei muito interessante as ponderações dele sobre o novo estouro de boiada do momento: o Clubhouse... Vai ver...


Ainda na onda do ClubHouse, dois termos relativos a comportamento humano que entraram no hall das buzz words do momento: FOMO (fear of missing out) e JOMO (joy of missing out). Se vc parar pra pensar, eita bicho estranho que o ser humano é, né não! Uma coluna interessante discutindo um pouco do FOMO e JOMO... Vai ver...


Um assunto várias vezes repetido aqui no TechSocial é a importância da diversidade para os negócios e para a vida. Num mundo BANI, é cada vez mais importante poder contar com as mais variadas formas de ver, interpretar e interagir com os eventos que nos cercam. Diversidade traz CRIATIVIDADE. Quando falo diversidade, falo também sobre a questão da IDADE. Velhos (ou idosos, caso prefira) continuam sendo muito importantes para trazer essa visão plural do mundo. Nem tudo a tecnologia resolve, muitas vezes só a experiência da vida traz os insights para solucionar situação inusitadas... Vai ver...



Aprender a lidar com tecnologia pode gerar alguns memes engraçados. O negócio é não se deixar abalar e levar para o lado divertido da coisa e aproveitar tanto o sucesso inesperado como a aprendizagem kkkkk... Vai ver...


E vamos de mais vazamentos... Prece que a pandemia deixou o pessoal com mais tempo para praticar e melhorar os golpes e, cada vez mais, vamos vendo como esse mundo tecnológico pode ser perigoso e difícil de lidar... Vai ver...


Nesse, a produtora de CyberPunk 2077 teve os servidores inteiramente clonados e destruídos. Ainda bem que eles tinham feito o dever de casa direitinho e colocado os backups e outro local... Estão tendo que retornar TUDO... Imagina o desmantelo... Vai ver...


Hoje falei que uma ideia põe si só não vale coisa alguma. No espírito do Vale do Silício o que vale é botar a ideia no ar. Agora, além de botar a ideia no ar, tem que torcer para o resto do povo dar aquela derrapada para vc ter tempo de ganhar tração e ficar sustentável... Pense numa batalha grande essa do Clubhouse... Vai ver...


Às vezes, depois que as coisas são feitas ou ditas parecem incrivelmente óbvias. Aí, gera-se aquela frase bem clichê: "porque eu não pensei nisso!". Veja que as 10 dicas do cara são bem simples e óbvias, mas existe uma GROTESCA diferença: Ele FEZ, enquanto a maioria ficou a ver os navios e a perseguir fantasmas... Vai ver...


Tirando mais um clichê da cartola: "em mar calmo, TODOS os navios têm um grande capitão!". O negócio é quando o mar fica revolto que os bons aparecem e os empreendedores de palco sucumbem. A crise que estamos vivendo não é só estrutural e econômica, mas de identidade tmb. As coisas estão mudando em sua essência e, quem não aprender a ser flexível, adaptável e se comunicar eficientemente, vai sucumbir... Vai ver...


Dos problemas em lidar com as demandas exigentes de uma cenário tumultuado com o da COVID 19, vê-se que os governos, em todas as suas esferas, e mesmo no contexto internacional, carecem das habilidades necessárias para lidar com o ambiente BANI. Taí! Uma ótima oportunidade para as GovTechs... Vai ver...


Ser amiga do ambiente é o que toda a empresa do século 21 quer ser pois é o que o cliente quer. O danado é quando as empresas usam o seu poder financeiro e de sua marca, para criar uma conversa que é tipicamente para "boi dormir"! Nessa história só tem um lado que paga de otário: NÓS... Vai ver...


Não importa o que vc esteja fazendo, sempre há oportunidades para se destacar desde se queira e se trabalhe com afinco. Um história que vale a pena ser compartilhada... Vai ver...


Já falamos aqui das cidades de 15 minutos e também da versão mais hardcore, cidades de 1 minuto. Nessa via, abrem-se uma serie de oportunidades para quem tem a criatividade "das crianças" liberada. Um ideia muito interessante que, além de renda, gera bem estar e melhor aproveitamento das cidades... Vai ver...


A força de uma Marca! Com muito conteúdo infantil mas pouco para o público adulto a Disney+ mostrando a que veoi no mercado do streaming... Veja...


Como temos vocação para sermos o celeiro do mundo, então, o negócio é inovar no segmento e crescermos como exportadores de tecnologia no agro! Afinal, não podemos ficar sem nos alimentar e, além disso, trata-se de um problema inventivo (um paradoxo): uma demanda crescente de consumidores com um limite máximo de área plantada... Vamos usando a TRIZ para encontrar soluções inventivas... Vai ver...


O "Futuro" é FIGITAL! Sistema muito legal esse a E-Goi que chegou aqui no Brasil. Bem completo e intuitivo (estou experimentando e... gostando) além de ser cobrado em reais (uma senhora diferença dos cobrados em US$!). Se vc anda procurando algo para te ajudar a entrar no digital, é um solução que vale a pena avaliar... Vai ver...


Se tem uma coisa que é necessária num mundo BANI é a capacidade de aprender, esquecer e reaprender novamente. Mas, isso só acontece quando jogamos o nosso EGO fora e admitimos que somos frágeis, imperfeitos e que NÃO sabemos de TUDO. Esse negócio de EGO é F*DA!!!.... Vai ver...


Com o advento da pandemia, vamos tendo a noção de quão atrasado é o nosso velho brasilzinho de guerra é em relação ao digital. Primeiro foi o caos para o pagamento emergencial do corona voucher, onde, apesar do esforço da Caixa, ficou evidente o despreparo para uma solução digital de tal envergadura. Aí, vimos cenas dantescas de pessoas necessitadas se aglomerando nas agências e os o pessoal da Caixa tentando negar que havia problemas. Chamo isso de "cara de pau"! Mais recentemente, o caos de Manaus na segunda onda, que evidenciou não só as "caras de pau", mas o quão insignificantes são as pessoas que compõem essa nação. Precisamos admitir as nossa fragilidades, parar de mimimi e RESOLVER! Afinal, são PESSOAS que estão morrendo... Vai ver...


A modernidade digital tem trazido algumas bizarrices interessantes. A nossa memória digital pode vir a causar constrangimentos... Como o aluno que descobriu que estava tendo aulas a distância com um professor que já havia morrido há mais de 1 ano... Vai ver...


E, por agora, é só! Um grande abraço e até a próxima semana...

background_techsocial.jpg

Sejá notificado dos lançamentos das novas ConversasTECH! E também das novidades e necessidades no NOVO MUNDO!

Nos Siga nas redes sociais...

  • Instagram